texto curto: O Projeto Moradia Urbana com Tecnologia Social tem com principal objetivo a organização comunitária para atender demandas coletivas em habitações do Minha Casa Minha Vida. A Veracidade está atuando nos municípios de Taubaté, Registro e Rio Branco.

texto longo:

O Projeto Moradia Urbana com Tecnologia Social (MUTS) foi concebido pela Fundação Banco do Brasil e pela rede Interação no intuito de potencializar os efeitos do Trabalho Social no Minha Casa Minha Vida no âmbito do Programa Nacional de Habitação Urbana. O objetivo do Projeto é a reaplicação de tecnologias sociais (conceito que compreende “produtos, técnicas ou metodologias reaplicáveis, desenvolvidas na interação com a comunidade e que representam efetivas soluções de transformação social”) como instrumento de promoção do desenvolvimento social nos empreendimentos habitacionais do PNHU promovidos pelo Banco do Brasil.

O Projeto contempla um primeiro semestre mais focado em realizar uma estrutura de organização e mobilização comunitária. Nesta etapa, a principal ferramenta é o Autorrecenseamento, censo feito pelos próprios moradores para levantar informações sobre a comunidade (quantidade de pessoas com necessidades especiais, idosos com dificuldade de locomoção, faixa de renda, condições de infraestrutura, etc). O segundo semestre do projeto contempla uma parte mais “mão na massa” onde a comunidade tem que escolher uma entre quatro tecnologias sociais que será aplicada na habitação. São elas: Criação de Bibliotecas Comunitárias, Gestão Comunitária de Resíduos Orgânicos e Agricultura Urbana; produção Agroecológica de Alimentos em Meio Urbano: Hortas Urbanas ; Joias Sustentáveis na Ilha das Flores

A Veracidade foi contemplada pelo projeto e está atuando nos municípios de Taubaté (SP), Registro (SP) e Rio Branco (AC).